quinta-feira, 7 de maio de 2009

Nosso maior evento

Estão todos convocados, prestigiados, agraciados. Dias 1º e 2 de agosto, sábado e domingo, no Teatro Carlos Gomes, o maior evento artístico dos últimos e dos primeiros tempos. Teatro, dança, música, artes visuais, literatura, debates, e o retrato mais expressivo da atual produção artística do Válido Itajaí.

Confirmando o que nos prometeu em abril, a diretoria do Teatro Carlos Gomes mostrou-se inteiramente parceira do evento e cedeu o espaço para o grupo que começou a se formar ontem.
Das 22h às 23h30, no Pequeno Auditório da Fundação Cultural de Blumenau, 30 artistas e entusiastas se uniram para começar a pensar o projeto. Divididos em comissões, os membros do grupo estão agora encarregados de fazer eclodir a mensagem de união pela arte e levantar as necessidades de cada modalidade artística para nos apresentarmos com organização e brilhantismo.

Um blog foi criado com missão de decidir o nome para o evento. O fotógrafo Charles Steuck, ao criá-lo, aproveitou para dar uma boa sugestão batizando o site de “Nosso Inverno”. Pode ser o nome, hein? Ontem também se falou em “Virada Cultural”, a exemplo de um evento de São Paulo – o que suscitou dúvidas por ser pouco “nosso” – e também Blumenauarte, o que provocou reações contrárias – alguns o consideram bairrista.

De qualquer forma, você também está convidado a dar sua parcela de contribuição. Pode ser agora, com o nome, pode ser quando quiser, desde que com boa vontade e amor à arte. E se quiser se inscrever para apresentações, lembre-se: dinheiro na mão não tem, mas vai poder fazer arte naquele inverno gostoso do Carlos Gomes com todos os seres amantes de sempre e mais um pouco.

Barreiras

Acabou a linha pra quem dizia que o Teatro Carlos Gomes nunca nos abriria as portas, ou que é inimigo da arte. Agora restam duas frases asquerosas para ouvirmos até agosto:

- Não há arte de qualidade na região
- Não há público pra arte

Cabum pra essas barreiras! Vamos mostrar a cara! Não pra calar alguém, mas pra que quem anda dizendo isso por aí faça ainda mais barulho, só que falando o contrário.

Artivistas

Teve gente que chegou às 18h30 e participou de toda discussão sobre o Fundo Municipal de Cultura na Fundação. Teve quem chegou às 21h e ficou esperando até as 22h, quando a primeira reunião acabou e a sala foi liberada para nossa conversa. A partir dali estive até as 23h30 na companhia de 29 cabeças sérias e criativas que planejaram os próximos passos da organização do evento. Muito obrigado a todos. Aplaudamo-los:

Rafael Koehler, Danielle Cristina Grossl, Wald Oliveira, Rafaela Catarina Kinas, Cheila de Oliveira, Jean Richard Reinhold, Clóvis Truppel, Bruno Eduardo Bachmann, Bruna Broering Sari, Marcelo da Luz, Aroldo de Souza Silva, Rodrigo Oliveira, Pablo Lugones, Fátima Venutti, Monalisa Budel, Paulo Sá, Adriana Dellagiustina, Rodrigo Dal Molin, Roberto Murphy, Paulo Eduardo Castellain, Camila Bilek, Marco Antonio de Oliveira, Silvio José da Luz, Bigo (Jonathan Roberto Soflate), Aline Assumpção,Daiana Schvartz, Charles Steuck, Daidrê Tomas Amorim, Márcio Cubiak.

5 comentários:

DDA Silveira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
DDA Silveira disse...

Fiquei triste de não poder comparecer, porém estou muito feliz por imaginar o que está por vir!
Beijos, DDA

Ana Paula disse...

A rádio está acompanhando e divulgando o desenvolvimento das idéias...
Não pude ir na quarta, lamentei muito, mas podem contar comigo também!

Clara Mendes disse...

oi pessoal,

desculpem não ter ido. eu fiquei ensaiando até às 22:30hs. mas a próxima eu vou com certeza.

abraços!

nestor jr disse...

eu quero colaborar...
tô dentro!